7 comentários sobre “O Segredo do Funil de Vendas”

  1. Taioba, o cara da meia vermelha (brincadeira)
    Primeiro parabéns por sua importante participação no SDA2017.

    A grande sacada é a construção inteligente do Plano de contingencia, a pergunta que vale um milhão, como automatizar os e-mail sem perder a humanização, sem robotizar, personalização.

    Há também a variável, tempo x produto – que podem alterar levemente a conversão, no meu negócio (venda de imóveis), a captação é ONLINE, a visitação do imóvel física e existem fatores técnicos de enquadramento, renda, prazo, etc se envolver o financiamento – neste caso o plano de contingência, me parece um grande, porém delicioso desafio.

    É nisto que estou focado, e seus videos e palestras tem me ajudado muito. Valeu e até Breve.

    Instagram: @clark.eztec

    1. Oi Clark.
      Bom que estava no Segredos da Audiência e conseguiu pegar as dicas do funil.

      O Funil nunca vai chegar ao nível de humanização que você teria ao tratar individualmente e pessoalmente cada cliente, mas ele te dá um poder de escala que nenhuma outra estratégia poderia se igualar. A questão é que a medida que você identifica os comportamentos padrão dos seus clientes e desenvolve planos de contingência no funil, você vai se aproximar cada vez mais dessa humanização. Isso é a personalização dinâmica do seu funil.

      Grande abraço e sucesso no seu negócio.

  2. Ok Taioba, fazer remarketing, mas você está dizendo que consegue fazer remarketing até com aqueles que não preencheram o formulário….?

    Abraço!

    1. Marco, remarketing é uma das ferramentas. Mas o seu funil pode e precisa tratar isso de várias formas diferentes, como por exemplo automação baseada em comportamento.

  3. Grande Taioba, você sabe que a taioba é mito melhor que a couve né, ela é rica em fibras, cálcio, magnésio, fósforo, ferro, sódio, potássio, zinco e vitaminas do Complexo B, rsrs, brincadeira de terapeuta…
    Excelente seu questionamento, principalmente em casos como o meu, que trabalho como terapeuta transpessoal e coach de processos decisórios. E que preciso convidar pessoas para meu programa terapêutico, mas esbarro também em questões éticas profissionais. Conseguir uma lista orgânica não é simples, porém lotar agenda a partir da conversão de leads sem forçar a barra e de forma ética tem sido complicado. Gostaria de ouvir suas sugestões, pois estou até pensando em desistir desse processo e me dedicar a criação de um infoproduto que permita escalabilidade. Abraços!

    1. Moyses,
      Concordo que taioba é muito melhor! rsrsrs

      O seu funil de vendas precisa ser capaz de identificar o nível de interesse do lead. A ideia não é forçar a barra, mas sim ajudar o seu cliente a tomar a decisão de compra caso ele esteja interessado, porém algo o está impedindo de dar esse passo.

      Sucesso com seu negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *